quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

Vivendo dia-a-dia.


Rotina. Do Francês routine, “trilha batida, curso costumeiro de ação”. Palavra carregada de sentimentos negativos, usada geralmente para exprimir impaciência e desgosto pela vida cotidiana, pela necessidade de se manter determinados padrões de comportamento e ação na maior parte do tempo. 
Eu me apaixonei pela rotina. Ando pensando que a maior parte das pessoas não está desgostosa com a rotina, mas com a vida em si. Explico: se você gosta da maneira como vive, das coisas que faz, do seu trabalho, uma rotina é só um esquema de repetir coisas que você faz com prazer, ou seja, uma maneira de organizar seus prazeres. Agora, se você vive fazendo o que não gosta, se forçando a determinadas situações e atividades que não te fazem bem, é natural se desesperar ao perceber que a vida vai ser uma sequência interminável daquelas coisas.
Eu costumava repetir várias e várias vezes para um tio, de forma que virou uma brincadeira nossa e um bordão meu, e que na verdade exprimia a angústia que eu sentia com relação a ter que levantar todos os dias no mesmo horário, trabalhar e almoçar no mesmo horário... : "Será que minha vida vai ser sempre assim, esperando desesperadamente a sexta-feira?". Ele sempre responde que é o que todo mundo faz, espera a sexta-feira.
Hoje estou numa fase boa em que nada mudou, mas eu mudei: estabeleci uma rotina que eu acho agradável. Acordo dez minutos mais cedo, tomo café com calma, banho pra relaxar e trabalho quando tenho o que fazer, sem transformar o trabalho na minha vida,  deixando que ela aconteça nas estrelinhas  entre um livro, um pensamento ou um texto escrito. 
A minha vida mesmo, começa às 17:00 horas quando eu ligo a música alta, faço comidinha pro namorido, tomo banho junto com ele, descubro como foi o seu dia. É à partir das 17:00 horas que eu recarrego as baterias, converso sobre o dia, fazemos planos juntos, assistimos filmes (cada dia um escolhe, uma outra rotina boa) e por fim dormimos um nos braços do outro.
Assim, aproveito ao  máximo a rotina caseira e tranquila que nós criamos, a semana passa mais rápido e eu não preciso da sexta feira pra ficar bem, embora nela eu fique melhor.

4 comentários:

Use Bem disse...

eu amei o seu blog
agora estou seguindo um blog que nao fala somente de moda, um blog bem intimista, que fala de sentimentos, amor, desejos, enfim bem rico!
ja estou seguindo
obrigada por visitar o meu blog
www.usebem.blogspot.com
beijos Lara

Flávia - Compartilhando Idéias... disse...

Oi Mayara!
Concordo com você.
Essa palavra ROTINA é sinônimo de VIDA MASSANTE e na verdade não tem nada a ver.
Se temos uma vida prazerosa, porque não termos uma rotina agradável??
Rotina sempre tem que ser ruim???
Não não!!!

Bjs

Suzala Moura disse...

Oi Mayara...embora a minha rotina seja meio maluca com 500 obrigações, ainda assim, adoro vivê-la...concordo com vc...qd alguém está infeliz com a rotina provavelmente a vida não ta lá essas coisas...beijos, obrigada por ir nos blogs....adorei a sua maneira de escrever e claro, vou andar sempre por aqui...

A. Marcos disse...

Merece aplausos quem consegue manter esse hábito saudável com o companheiro.

Com o tempo, banhos juntos e diálogos tendem a se esvair e dão um lugar a coisas menos agradáveis.

Mas a rotina e trabalho são coisas que só não são boas quando, como vc mesma disse, vc faz o que não lhe agrada. Afinal, ninguém reclama de comer todo dia, rir todo dia, fazer sexo todo dia e por aí vai.

Obrigado pela visita lá no blog, venha mais vezes.